Danae

Danae
Klimt, Gustav

sexta-feira, novembro 28, 2008

Eita!

http://www.fja.rn.gov.br/fja_site/navegacao/ver_noticia.asp?idnoticia=129

Esse era o motivo do blog ter ficado cerca de um mês fora do ar...
Se é que alguém reparou...
Eu não tava dando muita bola pra esse concurso, mas Adélia disse que eu deveria ficar feliz, então eu fiquei ;)
Depois (se eu tiver paciência) arrumo um jeito de identificar os 10 poemas que eu inscrevi. Estão todos por aqui, cada um em seu lugar...


°
Eu ainda estou pensando se continuo.
Com o blog, com a rotina, com as pessoas, com o ato doloroso de escrever, com tudo mais...
Sempre achei admiráveis as pessoas que desde cedo aparentam saber o que querem da vida.
Profissão, cor do estofado, sobre tom das cortinas, peixe ou carne, balada ou praia, cerveja ou caipirinha...
Eu gosto de quase tudo um pouco e das coisas que eu gosto muito, gosto por pouco tempo.
Já cheguei a pensar em desvio de caráter. Acho que a psicanálise poderia definir assim. Eu não tenho certeza. Aliás, ter certeza é algo muito complicado. Tão complicado quanto responder à um "Como você está?" Sempre entro em pânico quando me fazem tal pergunta, ainda mais quando é alguém conhecido, amigo. Complicado! Quem quer saber mesmo como você está, se você está feliz ou pensando em se jogar da ponte?
Eh, eu complico. Celso disse que eu complico, ele deve estar certo.
Eu nem ia escrever nada, estou aqui entediada (depressão pré-festas de final de ano). A TV diz que eu devo sorrir e mostrar o que há de melhor em mim, porque é Natal e os anjinhos blá, blá, blá...
Mas a verdade é que estou sem dinheiro (e quando eu digo sem é sem mesmo) e isso não deveria, mas me deixa mal. Afinal, a nossa sociedade engendrou tudo bem direitinho pra fazer nossa vida parecer só ter sentido quando estamos com dinheiro no bolso, saúde e com um amor do lado. Quem consegue isso tudo ao mesmo tempo?
Enfim, eu estou com saudades de um abraço e de um beijo específicos... Está me dando medo tanta distancia assim... Enfim!
Está acontecendo na cidade o III ENE e ontem a noite assisti ao show ótimo do Arnaldo Antunes. Hoje terá Orquestra, mas a minha vontade de sair de casa anda uma coisa de louco, embora ficar aqui às vezes pareça pior.
Oh! Casar, assobiar ou comprar uma bicicleta? De volta ao ponto de partida.

Carolina Miquelassi

2 comentários:

A. disse...

eta! menção honrosa.

reparei na ausência.

ah, final de ano para além das festividades temáticas, é a época do ano que mais me embriago e me encontro com os amigos. e isso é bom!:)

Delia disse...

o melhor concurso de poesia do RN.
=)